Equipe

Equipe executiva

Núcleo responsável pela gestão do Serrapilheira, presidido pelo geneticista Hugo Aguilaniu.

Hugo Aguilaniu - Diretor-presidente

Biólogo, se dedicou às bases genéticas dos processos de envelhecimento. É doutor pela Universidade de Gothenburg (Suécia), pós-doutor pelo Salk Institute for Biological Studies (EUA) e membro do National Scientific Research Council (França). Foi diretor de um laboratório na École Normale Supérieure em Lyon. Os resultados de sua pesquisa científica foram publicados em revistas como Nature, Science, Cell Metabolism e PLoS Biology e premiados pelo CNRS (Centre National de la Recherche Scientifique) e European Research Council (ERC). Também foi Pesquisador Visitante Especial na Universidade de São Paulo (USP) e mediou relações institucionais entre universidades francesas e brasileiras.

Cristina Caldas – Diretora, Ciência

Bióloga, se dedicou aos estudos de humanização de anticorpos e autoimunidade no contexto de transplantes. Doutora em Imunologia pela Universidade de São Paulo (USP), mestre em Biologia Molecular pela Universidade de Brasília (UnB), é especialista em Jornalismo Científico pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), onde participou de pesquisas em percepção pública da ciência. Foi pesquisadora visitante no Centro para Estudos Internacionais do Instituto de Tecnologia de Massachusetts
(MIT). Foi presidente da SciBr Foundation, organização sem fins lucrativos sediada em Cambridge (EUA), que promove redes interdisciplinares de conhecimento, agregando brasileiros que atuam no exterior. No Serrapilheira, é responsável pelas iniciativas de apoio à ciência – da elaboração de chamadas públicas à busca ativa por pesquisadores e projetos.

Michel Chagas – Gestor, Ciência

Administrador formado pela Faculdade DeVry Ruy Barbosa, especialista em gestão pública municipal pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e mestre em políticas de desenvolvimento internacional (Duke University), atuou na gestão de organizações sociais, coordenação de projetos, assistente de pesquisa e na gestão pública. No Serrapilheira, é parte da equipe de apoio à ciência, atuando como gestor.

Natasha Felizi – Diretora, Divulgação Científica

Bacharel e mestre em Literatura Russa e Portuguesa pela Universidade de São Paulo (USP) e Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), foi alfabetizada no IRC. É co-organizadora do livro Brasil em Movimento – Reflexões sobre os Protestos de Junho (Rocco) e coordenou projetos com foco em arte, tecnologia e ativismo para organizações do terceiro setor (CulturaDigital.Br, ITS-Rio, Coding Rights), televisão (MTV, Canal Curta), rádio, mídia impressa, exposições e plataformas digitais (Panfletos da Nova Era, portal de Jorge Mautner). No Serrapilheira, é responsável pela gestão de divulgação científica.

Clarice Cudischevitch – Gestora, Comunicação

Jornalista pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e advogada pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), trabalhou na Comunicação de instituições científicas como Academia Brasileira de Ciências (ABC), Instituto Nacional de Neurociência Translacional (INNT) e Programa de Oncobiologia da UFRJ. Tem experiência na cobertura jornalística de áreas como física, matemática e ciências da vida. Foi repórter do jornal O Estado de S. Paulo, cobrindo temas em Cidades e Política. No Serrapilheira, é responsável pela coordenação e produção de conteúdo para o site, mídias digitais e comunicação institucional.

Camila Teicher – Gestora, Novos projetos

Bacharel em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), pós-graduada em gestão do conhecimento do Centro de Referência em Inteligência Empresarial pelo Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (COPPE/UFRJ) e mestre em tradução pelo Colegio de México. Trabalhou como revisora e tradutora no mercado editorial e para veículos de comunicação, instituições acadêmicas e empresas multinacionais, no Brasil e no exterior. No Serrapilheira, é responsável pela estruturação e implementação de novos projetos.

Pedro Lira – Analista, Comunicação

Jornalista pelo Instituto de Educação Superior de Brasília, trabalhou como repórter em veículos de jornal impresso, revista e site. Desde 2016 tem direcionado a experiência no jornalismo para a produção de conteúdo informativo em redes sociais, criando diferentes estratégias de engajamento e adaptação para as diversas plataformas. Cobriu para veículos independentes, nacionais e internacionais, temas de direitos humanos, novos negócios e impacto social. No Serrapilheira é responsável pela elaboração de estratégias de campanhas, produção de conteúdo para o site e mídias digitais e interação com a audiência.

Scientific Advisory Board

Órgão de assessoramento da equipe executiva e do Conselho Administrativo. Presidido por Marcelo Viana.

(Sun-Yung) Alice Chang – Matemática

Matemática de origem chinesa, Sun-Yung Alice Chang é professora no Departamento de Matemática na Universidade de Princeton (EUA). É conhecida pelas contribuições em análise harmônica, análise geométrica, equações diferenciais parciais e aplicações de análises em problemas da geometria diferencial.

Antonio Coutinho – Ciências da vida

Atualmente conselheiro da Fundação Champalimaud (Portugal), o imunologista Antonio Coutinho ajudou a esclarecer como funciona o sistema imune do ser humano. No Instituto Gulbenkian de Ciência, onde foi diretor, contribuiu para a criação dos programas de pós-graduação.

Deborah Blum - Divulgação científica

Jornalista especializada em ciência e autora de sete livros, Deborah Blum é diretora do prestigiado programa Knight Science Journalism, do Massachusetts Institute of Technology (MIT), nos EUA. Pelo programa, lançou a revista digital Undark, que explora a interseção entre ciência e sociedade. Em 1992, ela ganhou o Prêmio Pulitzer pela série de reportagens The Monkey Wars, sobre questões éticas na pesquisa com primatas.

Faith Osier – Ciências da vida

Imunologista, professora e líder de grupo de pesquisa no Hospital Universitário de Heidelberg, na Alemanha, a queniana Faith Osier também é pesquisadora no Departamento KEMRI de Biociências no Wellcome Trust do Quênia. Dedica-se principalmente ao estudo da malária e procura inspirar mulheres e homens africanos a se engajarem na ciência.

Luiz Davidovich – Física

Presidente da Academia Brasileira de Ciências e professor no Instituto de Física da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Luiz Davidovich é reconhecido internacionalmente por suas contribuições nos campos da óptica quântica e informação quântica. É, ainda, uma das principais lideranças brasileiras na defesa de uma maior valorização da ciência.

Marcela Carena – Física

A argentina Marcela Carena é chefe do Departamento de Física Teórica no Fermilab, laboratório especializado em física de partículas de alta energia nos EUA, e professora na Universidade de Chicago. Sua pesquisa explora as possíveis conexões entre a física de Higgs, a supersimetria, a unificação e a matéria escura. Suas ideias para explicar a assimetria de matéria-antimatéria observada no universo vêm sendo investigadas no LHC, o maior acelerador de partículas do mundo.

Marcelo Viana – Matemática

Diretor-geral do Instituto de Matemática Pura e Aplicada, no Rio de Janeiro, Marcelo Viana é o presidente do Scientific Advisory Board. Por ocupar esta posição, é também membro do Conselho Administrativo. Como matemático, estuda principalmente sistemas dinâmicos e teoria ergódica.

Simon Levin – Ciências da vida

Professor no Departamento de Ecologia e Biologia Evolutiva da Universidade de Princeton (EUA), Simon Levin também é diretor do Centro de Biocomplexidade do Instituto Ambiental na universidade. Ele pesquisa a estrutura e o funcionamento dos ecossistemas, a dinâmica das doenças e o acoplamento dos sistemas ecológico e socioeconômico.

Thomas Lovejoy – Ciências da Vida

Professor na Faculdade de Ciências e Políticas Ambientais da Universidade George Mason (EUA), o biólogo Thomas Lovejoy estuda a Amazônia há mais de 50 anos. Junto ao Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), ajudou a criar um experimento de grande escala que investiga o funcionamento de fragmentos florestais e os efeitos do desmatamento sobre a diversidade de espécies de animais e plantas.

Vanderlan Bolzani - Química

Professora no Instituto de Química da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho em Araraquara (Unesp), Vanderlan Bolzani é reconhecida internacionalmente pela pesquisa na química de produtos naturais e na busca de substâncias bioativas. Foi presidente da Sociedade Brasileira de Química (SBQ) e vice-presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e é membro do Conselho Superior da FAPESP.

Conselho administrativo

Define as orientações gerais do Serrapilheira e aprova os planos de trabalho propostos pela equipe executiva. É presidido por Branca Vianna.

No Conselho Administrativo, cada membro tem um mandato mínimo de três anos, e a cada ano um membro que cumpriu esse período é substituído. O presidente do Scientific Advisory Board será sempre um dos integrantes do CA no período em que ocupar esta posição. 

Branca Vianna
Presidente do Conselho Administrativo
Instituto Serrapilheira

Marcelo Viana
Presidente do Scientific Advisory Board
Diretor-geral do Instituto de Matemática Pura e Aplicada

Edgar Dutra Zanotto
Universidade Federal de São Carlos

Fernando Reinach
Fundo Pitanga

João Moreira Salles
Instituto Serrapilheira

Luiz Orenstein
Dynamo Administradora de Recursos

Pedro Wongtschowski
Grupo Ultrapar