Curso de Física para professores do Ensino Médio tem inscrições abertas

Edição de setembro de 2018 do curso. Foto: ICTP-SAIFR

Clarice Cudischevitch

Estão abertas até 10 de março as inscrições para o curso “Física de Fronteira para a Sala de Aula”, promovido pelo Instituto Sul-Americano para Pesquisa Fundamental (ICTP-SAIFR), o Perimeter Institute for Theoretical Physics, do Canadá, e o Serrapilheira. O treinamento gratuito é voltado para professores de Ensino Médio e será realizado nos dias 30 e 31 de março, em São Paulo.

Essa é a quinta edição do curso – a segunda em português. O objetivo é orientar os professores a ensinarem conceitos da Física moderna, como buracos negros e física de partículas, a partir de atividades práticas e do uso de materiais criativos oferecidos pelo instituto canadense Perimeter, que ministrou as três primeiras edições. Desde a terceira, o Serrapilheira oferece apoio financeiro à iniciativa.

Durante o curso, são ensinados métodos para uso em sala de aula. Um exemplo é o estudo do movimento circular para introduzir o conceito de matéria escura, um dos tópicos que mais intrigam os físicos modernos atualmente. Outro recurso é o uso de um “baralho de estrelas” para falar sobre buracos negros.

Além das atividades de ensino, a programação ainda inclui uma palestra com o físico Raul Abramo (IF-USP) e uma sessão intitulada “Pergunte ao físico”, em que Pedro Vieira, pesquisador do ICTP-SAIFR e do Perimeter Institute, responderá a questões levantadas pelos presentes.

Os professores poderão se inscrever pelo site. Os selecionados serão notificados até o dia 16 de março. As aulas acontecem no prédio do Instituto de Física Teórica (IFT) da Unesp, que fica na rua Dr. Bento Teobaldo Ferraz, 271, Barra Funda, São Paulo/SP.

Saiba mais:
Professores de todo o Brasil aprendem Física criativa
Curso torna buracos negros e matéria escura assuntos de escola
Criatividade é peça-chave em sala de aula, diz consultor de educação do Perimeter
Em nova edição, curso treina professores de Ensino Médio para a Física criativa